Jornalista e produtora cultural, formada em jornalismo e com especialização em realização de documentários, Luísa Sequeira iniciou a carreira em Moçambique, onde realizou a monografia sobre “A Evolução da Televisão em Moçambique – O Caso TVM”.

Mais tarde regressou  a Portugal para fazer parte da equipa do projecto NTV, um canal de televisão com o conceito de jornalista ” multimédia”.

Neste canal  além de fazer parte da equipa de redação , começou por apresentar diariamente o programa “Cumplicidades”, um magazine de entrevistas a personalidades da vida cultural portuguesa.

Durante 10 anos trabalhou em televisão produzindo e coordenando vários  projectos na área da televisão, vídeo-instalação e documentário.

Realizou o documentário Mulheres no Palco para a RTP – Um documentário que retrata a preparação da peça “A Mais Velha Profissão” de Paula Voguel.

Autoria, coordenação e apresentação do programa “Fotograma” da RTP, dedicado à promoção do cinema em língua portuguesa, durante mais de 100 episódio deu a conhecer o melhor do cinema em língua portuguesa. Foi comentadora da Rubrica de cinema português no programa “Cinemax”,  fez reportagens para o programa de rádio da  Antena 1, “Sala 1”.

Recentemente fez curadoria das longas-metragens portuguesas na 5a edição do CINEPORT. Desde 2010, é directora artística e de programação do Shortcutz no Porto, um movimento internacional e semanal dedicado às curtas-metragens.

Realizou o projecto audiovisual “Porto sem Nó”, vencedor da Mostra Competitiva de Pilotos Brasileiros, do Festival Internacional de Televisão do Rio de Janeiro.

Co realizou o vídeo”Todos Somos Braga” para a Capital Europeia da Juventude.

Mentora e diretora de programação do Surf film Fest Portugal, um festival de curtas-metragens online.

Desde 2012 que faz a curadoria das “Curtas da Casa” no Douro Film Harvest.

Escreve e o guia da cidade do Porto para revista Flydoscope.

Está a realizar uma longa-metragem sobre a cineasta Bárbara Virgínia.

Realizou com o artista Sama a curta-metragem ” Motel Sama”

Recentemente realizou a curta-metragem documental ” Os Cravos e a Rocha” filme que foi exibido em vários festivais entre eles: O Festival Luso Brasileiro, Indielisboa, Desobedoc, Primavera do Cine, Festival internacional de curtas-metragens de São Paulo e o Festival do Rio)

Finalizou o filme experimental “La Luna” que teve a sua estreia na BilbauArte no festival de cine y vídeo experimental Bideodromo.